A Rockfella Moda Vintage lança a campanha “Respeito se leva no peito” para anunciar sua coleção Society, que tem como objetivo usar a roupa como meio de inclusão social e inspiração, com mensagens de desconstrução do machismo e apoio a pautas do feminismo.   

inclusão social na moda

A coleção Society foi criada para dar voz à marca, como uma forma de expressar nossa indignação com um sistema social ainda carregado de preconceitos e desigualdades. 

Unindo-se com o movimento do feminismo, no objetivo de incentivar a conquista da mulher não só por um lugar justo no mercado de trabalho, mas também para resgatar sua confiança de expressão livre de julgamentos.

Precisamos resgatar o respeito ao ser humano como igual. 

Sabemos que o preconceito está enraizado na criação das famílias, que por vez se resume em uma forma de ignorância por não ter tido a oportunidade de estar em contato com pessoas fora da sua classe ou etnia. 

Ao ter este contato e gerar uma relação humana saudável, se derrubam os muros psicológicos que antes julgavam. A mente passa a ver em um sentido mais amplo, e permite que a inclusão social aconteça de forma natural, saudável e com respeito. 

Respeito se leva no peito

Devemos nos esforçar para retornar ao sentido de humanidade de respeito ao outro, independente dos fatores externos ou do mundo de aparências. Respeito e amor é o que nos torna humanos. 

O próximo passo da marca é lançar estampas relacionadas a causas sociais, onde parte do lucro será doado para instituições e ONG’s que apoiam a socialização e autonomia de crianças e adultos com diferentes deficiências físicas e/ou psicológicas. 

Essa é a mensagem da Rockfella para uma sociedade sem preconceitos!

  • 242
  • 0

1 thought on “Respeito se leva no peito: A inclusão social na moda”

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *